Buscar

Brasil espera produzir 400 mil toneladas de peixes no Lago de Itaipu



O Brasil espera convencer o Paraguai sobre o potencial de produção de peixes no Lago da usina de Itaipu, que, segundo o secretário nacional de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Junior, pode chegar a 400 mil toneladas anuais – 200 mil para cada país. “Já falamos com todos os órgãos, vamos esperar a pandemia e tentar convencer o Paraguai, que é praticamente zerado em pescado”, declarou Seif em recente live com o presidente Jair Bolsonaro.

Em uma live com Bolsonaro Seif comentou: “Presidente, todos os movimentos dentro do Brasil já fizemos, com o Ministério do Meio Ambiente, com o Ministério de Relações Exteriores, com a Itaipu lado brasileiro. Como existe uma vedação nas leis paraguaias, estamos esperando, aguardando acalmar a pandemia”, referindo-se a voltar a tratar o tema com certa urgência.


O secretário de Pesca informou ainda que vai ao Paraguai, junto com a ministra Tereza Cristina (Agricultura) e com o ministro Ernesto Araújo (Relações Exteriores) para buscar “esse convencimento”. “Hoje, o Paraguai praticamente é zerado em produção de pescados e vai poder produzir 200 mil toneladas, porque serão 400 mil toneladas, 200 mil para cada lado, ou seja, além de produzir energia maravilhosa em Itaipu, podemos produzir alimento para toda a nossa América do Sul”, destacou, ampliando: “O Paraguai poderá comer peixe três vezes por semana, com toda a certeza”.


Nossos canais:

https://www.facebook.com/SetorPesqueiro​

https://twitter.com/ac2video​

https://www.instagram.com/setorpesqueiroenautico_ac2

AC2 Produção, Comunicação & Marketing