Ministra diz que pesca deve ser indutora do desenvolvimento

forsafelogo.png
logo.png
logo_20sindipi0.png
GC_20020.png

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) disse que é preciso transformar a pesca em indutora do desenvolvimento do país. “A nossa busca no Ministério da Agricultura é resultado. Não para nós, mas para as pessoas que vivem dessa atividade, que ficou travada durante muitos anos.

Não vamos aqui discutir porque que ficou, porque que deixou de ficar, mas que nós temos a missão de fazer dessa atividade, que é promissora no mundo, indutora de desenvolvimento e de receita”, afirmou.

Tereza Cristina participou, nesta sexta-feira (31), de uma reunião de planejamento de atividades da Secretaria de Aquicultura e Pesca, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). “O Brasil com uma costa de mais de 8 mil quilômetros e com 13% da água doce do mundo, mas nós ainda estamos engatinhando nessa atividade”, disse a ministra ao destacar a responsabilidade da secretaria no planejamento do trabalho a ser desenvolvido ao longo deste ano.

O secretário de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Júnior, fez um breve balanço do primeiro ano de trabalho e projetou as próximas entregas. “Temos feito visitas em todo Brasil e conhecido as dores do setor, principalmente da aquicultura, maricultura, pesca industrial e pesca artesanal”, afirmou.

AC2 Produção, Comunicação & Marketing