Buscar

Em Lisboa, o estado do Ceará busca ampliação das relações entre Brasil e Portugal


O Presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) e da Associação Nordeste Forte, Ricardo Cavalcante, participou, na companhia da Secretária de Estado das Pescas de Portugal, Teresa Coelho, da Conferência Parceria para a Inovação e Sustentabilidade da Fileira Alimentar do Mar, em Lisboa, Portugal no início da tarde de ontem, segunda-feira (27/06).


O Encontro teve como objetivo fortalecer a indústria da pesca e a relação comercial entre os países na área e contou ainda com a assinatura de memorando de entendimento entre a FIEC, SINDFRIO-CE e DOCAPESCA – Portugal para promoção de cooperação técnica e formativa para gestão de infraestrutura de apoio à pesca, organização da primeira venda do pescado, sistema de rastreabilidade do pescado, gestão da segurança alimentar e certificação, sistema de informática de apoio à gestão e implementação do conceito de porto de pesca sustentável.


“É com muita honra que estamos aqui, buscando novos mercados. Portugal é exemplo para o mundo e é com bons exemplos como esse que temos que aprender. Também vamos compartilhar o que temos de relevante no Ceará. Juntos, podemos ir muito mais longe, promovendo o desenvolvimento da indústria do mar e dos nossos países”, declarou Ricardo Cavalcante.


Já Teresa Coelho, Ministra da Pesca de Portugal, ressaltou a importância do encontro. “No dia que começa oficialmente a 2º Conferência dos Oceanos das Nações Unidas, temos a feliz coincidência de também estarmos reunidos aqui para promover e estreitar laços comerciais entre nossos dois países irmãos. Portugal é um dos maiores consumidores de pescado do mundo e, por isso, é muito importante continuarmos a aumentar nossa produção de forma sustentável”, afirmou.


Manuel Tarré, Presidente da ALIF – Portugal, disse que o momento possibilitará ganhos mútuos, com o aumento do comércio no setor para ambos os países. “Acreditamos que o Ceará pode ser uma porta de entrada para todo o Mercosul e, Portugal, porta de entrada para a União Europeia”, completou.


Em agosto deste ano, será a vez da comitiva portuguesa do setor da economia do mar desembarcar nas terras cearenses para promover mais estreitamento nas relações comerciais entre os dois países.