top of page
Buscar

Do Oiapoque ao Chuí’ Em expedição Inédita, Canoísta chega em Itajaí -SC

O paulista Adelson Carneiro Rodrigues, de 60 anos, chegou ontem (08/11/22) em itajaí Santa Catarina. Ele saiu em expedição do Oiapoque (AP), no dia 17 de fevereiro de 2020, a bordo de um caiaque oceânico.

Amante de aventuras, realiza um sonho e grande desafio: uma missão inédita na canoagem brasileira. O objetivo é chegar ao Chuí (RS) e ser o primeiro brasileiro a remar toda costa do Brasil de caiaque oceânico.


Adelson é educador físico e pratica esportes desde criança. Já foi campeão de natação em águas abertas por cinco vezes no Rio Juquiá (SP). Nadou 40km em equipe, do Arquipélago de Alcatrazes à São Sebastião (SP) e 70km de Castilho (SP) à Panorama (SP), pelo Rio Paraná.

Nas fotos, Os coordenadores das Câmaras Setoriais do SINDIPI, Agnaldo Hilton dos Santos (cerco), Gizelle Perão (cardume associado) e André Luiz Dutra Mattos (camarão rosa) estiveram na recepção ao canoísta Adelson Carneiro Rodrigues, na manhã desta segunda-feira (07), na sede da ANI (Associação Náutica de Itajaí). Além dos armadores representantes do SINDIPI, o comandante da Delegacia da Capitania dos Portos de Itajaí, o Capitão de Fragata, Eduardo Rodrigues de Lima e o suboficial da Marinha Guilherme Filho também estiveram presentes.


Participou de mais de 200 provas de Triathlon, correu três Ironman, na Espanha, no Brasil e na África do Sul e 44 Maratonas, sendo uma na Argentina. Foi campeão 35 vezes nas provas de Aquathlon, ficando entre os cinco top e competiu em cinco provas de corridas de aventura, uma de 80km solo.

E não para por aí, também escalou o Monte Aconcágua, na Argentina, com 6.962m de altitude. Além de ser chefe escoteiro, mergulhador e escritor, autor dos livros: “Atraído Pela Montanha” e “Meu Norte”.


“O motivo é sempre o desafio, a aventura é o que sempre me motivou. Desde criança sou atleta, disputei muitas provas de natação, triátlon, fiz muitas aventuras de escalada, montanhismo, então tudo isso faz com que a gente esteja sempre de corpo e alma nessas aventuras que envolvam desafios. Isso tem sido a minha vida”, diz Adelson.


Durante o percurso que tem feito, o canoísta para de dois à cinco dias em cada cidade, para descansar. Hoje, quarta-feira dia 09, em Itajaí SC, ele irá palestrar , às 14 horas no auditório Martin Schmeling, na sede da Superintendência do Porto de Itajaí, e amanhã, quinta feira dia 10, no auditório do IFSC - Instituto Federal de Santa Catarina Campus Itajaí, as 14 horas


Ele pretende chegar o Chuí (RS) em dezembro deste ano. “Tudo depende do período, do clima. com frente fria, com mar agitado, eu não remo, só quando o mar está favorável mesmo”, finaliza.




Na foto, o Capitão de Fragata Eduardo Rodrigues de Lima E Adelson Carneiro Rodrigues.

bottom of page